TESTAMENT: CHUCK BILLY FALA SOBRE DOIS LANÇAMENTOS

Ao ser entrevistado pelo programa Full Metal Jackie, o vocalista Chuck Billy falou sobre os dois lançamentos que ele planeja ainda para esse ano ou para o próximo. Primeiro, ele falou sobre o próximo full lenght do Testament, que não será somente o sucessor de “Titans Of Creation”, mas será o primeiro após a saída de Gene Hoglan e o retorno de Dave Lombardo na bateria. O outro projeto é seu álbum solo, que ele anunciou no ano passado e sua sonoridade será um pouco diferente do Thrash do Testament.

Questionado sobre Lombardo no próximo álbum, ele disse:

“VAI ACONTECER. O MOMENTO É PERFEITO. EU ACHO QUE A BELEZA E A QUÍMICA QUE ERIC E DAVE TIVERAM PARA O ÁLBUM ‘THE GATHERING’ FOI INCRÍVEL PORQUE EU REALMENTE ACREDITO QUE FOI UM PONTO DE VIRADA PARA O TESTAMENT NO QUE DIZ RESPEITO AO NOSSO ESTILO E REALMENTE APRIMORANDO QUEM SOMOS. ERIC ERA UM GUITARRISTA QUE SEMPRE TRABALHAVA TODAS AS MÚSICAS NA BATERIA ELETRÔNICA E AS APRESENTAVA AOS BATERISTAS. PARA O THE GATHERING, DAVE APENAS DISSE: ‘CARA, APENAS TOQUE. VAMOS APENAS TOCAR, APENAS TOCAR’, E DAVE COMEÇOU A TOCAR E ERIC REALMENTE CONSEGUIU SE CONCENTRAR APENAS NOS RIFFS SEM OLHAR PARA O QUADRO TODO. A QUÍMICA ESTAVA LÁ E DAVE EMPURROU ERIC, ENTÃO ESTOU ANSIOSO PARA QUE ISSO ACONTEÇA NOVAMENTE, ESPERO. OS ENSAIOS QUE TIVEMOS COM DAVE SÃO COMO OS VELHOS, NOVAMENTE. O TRISTE É DAVE PROVAVELMENTE AINDA ESTARIA AQUI SE EU NÃO TIVESSE TIDO CÂNCER EM 2002, QUANDO AS COISAS DO THE GATHERING FORAM PARA O LADO PORQUE EU FIQUEI DOENTE. DAVE SEGUIU EM FRENTE E AQUI ESTAMOS – A OPORTUNIDADE ESTÁ AQUI E ESTAMOS TODOS PRONTOS PARA IR E ELE ESTÁ ANIMADO PARA VOLTAR AQUI E TOCAR NOVAMENTE. SUA ENERGIA ESTÁ NOS DEIXANDO EMPOLGADOS PORQUE ELE ESTÁ REALMENTE EMPOLGADO COM ISSO.”

Sobre seu solo, Chuck disse:

“A PARTE ASSUSTADORA SE FOI. EU REALMENTE NÃO ME IMPORTO – ESTOU ESCREVENDO UM DISCO SOLO PARA MIM E A ÚNICA COISA QUE NÃO QUERO QUE SEJA É UM DISCO DO TESTAMENT. JÁ FIZ O SUFICIENTE DESSES DISCOS E QUERO TENTAR ALGO UM POUCO DIFERENTE – PESADO, MAS TALVEZ TAMBÉM UM POUCO MAIS BLUES E SLUDGY. APENAS COISAS REALMENTE SIMPLISTAS PARA TENTAR CRIAR UM LADO DIFERENTE DO QUE EU JÁ FIZ. SÓ TRABALHEI COM ERIC, ENTÃO TENTAR ESCREVER COM OUTRAS PESSOAS DEFINITIVAMENTE ME LEVA A TENTAR OUTRAS COISAS E ME ESFORÇAR PARA SER UM POUCO MAIS CRIATIVO VOCALMENTE. ESTOU ANSIOSO POR ISSO, MAS NÃO ESTOU COM MUITA PRESSA. QUANDO O COVID ATINGIU, TALVEZ EU TIVESSE ISSO EM MENTE E ESTIVESSE FICANDO ANSIOSO E QUERENDO FAZER ISSO, MAS AGORA QUE O MUNDO ESTÁ SE ABRINDO E ESTAMOS VOLTANDO À TURNÊ, VOU COLOCAR ISSO EM SEGUNDO PLANO. VAI ACONTECER, NÃO É ALGO QUE EU ESTOU CORRENDO PARA FAZER.”

Fonte: Mundo Metal Direitos autorais Testament: Chuck Billy fala sobre dois lançamentos - Mundo Metal (mundometalbr.com)

7 visualizações0 comentário